Ação 11B:2015/16 - O PROJETO DE AÇÕES DE MELHORIA NAS ORGANIZAÇÕES ESCOLARES

Publicado a 29/04/2016, 02:05 por Bruno Henriques   [ atualizado a 30/04/2016, 09:30 por LP AEBenfica ]

  Curso de Formação: 15HP, 0.6 UC
  Registo de Acreditação: 
CCPFC/ACC-84414/15
  Formadora: Melissa Martins Marmelo Maurício
  Local : Agrupamento de Escolas de Benfica
  Grupos de recrutamento: Para todos os grupos de recrutamento
  Calendário:
A Determinar

                                                                       

Descrição

A Qualidade, a Avaliação e a Excelência, estão bastante presentes no debate corrente sobre Educação no seio da União Europeia. A pressão da opinião pública, a exigência da avaliação da qualidade de ensino e a obrigatoriedade de prestação de contas são algumas das razões para, nos dias de hoje, serem temas de atenção no mundo da Educação.

Em Portugal, pode dizer-se que é com a Lei n.º 31/2002, de 20 de Dezembro, designada por “Lei do Sistema de Avaliação da Educação e do Ensino não Superior”, que a avaliação interna e a avaliação externa tornam-se obrigatórias, reconhecendo a importância destes mecanismos de regulação na melhoria do desempenho das organizações escolares.

Mais do que gerir a qualidade, as organizações escolares devem pautar-se pela gestão global pela qualidade. Nesta ótica, a qualidade nunca poderá ser um fim, mas apenas um meio de caminhar para a melhoria contínua e para práticas de excelência. Assim, a autoavaliação deve ser um instrumento indispensável à promoção da qualidade educativa e de reforço da capacidade de melhoria das organizações escolares.

O programa nacional de avaliação externa das escolas levada a cabo pela Inspeção-Geral da Educação e Ciência com início em 2006 e a Portaria n.º 1260/2007, de 26 de Setembro, vieram reforçar a necessidade das organizações escolares adotarem dispositivos e práticas de autorregulação. Mais tarde em 2008, o Decreto-Lei n.º 75/2008, de 22 de Abril, que revogou o Decreto-Lei n.º 115-A/98, de 4 de Maio, preconiza o novo modelo de gestão das organizações escolares, no sentido de conferir mais visibilidade e uma melhor prestação de contas à comunidade por parte da gestão escolar.
O presente curso de formação pretende assim dar resposta às necessidades de formação aos elementos da equipa de autoavaliação da organização escolar, centrando-se no desenvolvimento de dispositivos de autorregulação.


Oferta de Escola
Reservado aos Docentes do Agrupamento de Escolas de Benfica



Detalhes da calendarização

                                                                                                                     A Determinar



Disciplina Moodle de apoio à formação