Ação 15: 2017/18 - Avaliar para diferenciar no ensino do Português e da Matemática

Publicado a 25/07/2017, 03:49 por Bruno Henriques   [ atualizado a 01/08/2017, 08:53 ]

Oficina de Formação: 25HP+25TA, 2 UC
Registo de Acreditação: 
CCPFC/ACC-91521/17
Formadoras: Cristina Loureiro e Encarnação Silva
Local: Agrupamento de Escolas Benfica
Grupos de recrutamento: 110
Calendário: 
09 de outubro de 2017 a 06 de dezembro de 2017 

                                                                       

Descrição

Os professores e os educadores são confrontados atualmente com maiores e mais complexas exigências de gestão e inovação curricular, maiores diversidades nos públicos com que trabalham, sendo-lhes simultaneamente exigido elevadas metas de sucesso nas avaliações externas em Língua Portuguesa e Matemática. 

Embora atualmente seja possível encontrar um elevado número de tarefas e propostas de trabalho divulgadas, a sua adaptação a uma realidade, a sua experimentação reflexiva, o conhecimento das formas como os alunos as resolveram e experimentaram reveste-se de grande pertinência e utilidade. A investigação tem evidenciado que não basta divulgar bons materiais para a sala de aula, é necessário que eles sejam acompanhados de experiências significativas de utilização e que estas sejam conhecidas e reflectidas pelos professores.

Além disso, um trabalho colaborativo entre docentes dentro dos agrupamentos  conduz a resultados mais eficazes porque permite a identificação de problemas, a experimentação, discussão e reformulação de estratégias, a partilha de materiais, facilitando o trabalho e otimizando recursos e resultados. 

A elaboração desta proposta de oficina de formação resulta da conjugação dos seguintes factores:

Necessidades específicas identificadas pelos professores do 1.º ciclo relativamente ao trabalho articulado entre a Matemática e a Língua Portuguesa.

Necessidades específicas identificadas pelos professores relativamente a estratégias de diferenciação pedagógica.

Necessidade de desenvolver novos instrumentos de avaliação coerentes com as atividades realizadas.



Seleção de formandos:

  • 1.ª prioridade: Docentes dos Agrupamentos de Escolas de Benfica e Vergílio Ferreira;                     ;
  • 2.ª prioridade: Docentes das escolas associadas ao CFAEMBM.

Detalhes da calendarização

                                                                                                                                            



                                                                                                                                     A Determinar

Comments